O que é demissão em comum acordo?

Por Valquíria Rocha Batista

Demissão em comum acordo é uma forma de colocar fim ao contrato de trabalho.

O empregado e empregador resolvem em conjunto (comum acordo) que não haverá mais o vínculo de emprego.

Essa modalidade de demissão em comum acordo foi introduzida em nossa legislação com a Reforma Trabalhista (Lei 13.467/2017, nos artigos 855-B ao 855-E da CLT).

Para que seja possível a demissão em comum acordo, que nada mais é do que uma homologação judicial de um acordo extrajudicial, as partes, empregador e empregado, devem estar acompanhadas por diferentes advogados (um para cada parte).

Em comum acordo será elaborada uma petição em que constará todos os termos do acordo, com valores e verbas que serão pagas, bem como a forma deste pagamento. Referida petição deverá ser encaminhada para a Justiça do Trabalho.

No prazo de 15 dias o juiz trabalhista irá analisar todos os itens do acordo, podendo designar audiência ou proferir a sentença de homologação.

A audiência geralmente será designada quando não houver convencimento do juiz dos termos do acordo.

Importante esclarecer que ultimamente o acordo extrajudicial é forma vantajosa para que os empregados e empregadores evitem litígios futuros, considerando que o acordo atua como prevenção para ambas as partes.

No caso dos empregados traz segurança jurídica e facilita o recebimento das verbas que faz jus de forma mais célere, e no caso das empresas possibilita muitas vezes o parcelamento do acordo, sobretudo a quitação total do contrato de trabalho.

2 thoughts on “O que é demissão em comum acordo?

  1. Cacilda Molina Resposta

    Boa tarde Dra. Valquiria, que informação fantástica. No caso do empregado ele recebe todas as verbas, inclusive as parcelas de Seguro Desemprego? e no caso do empregador, tem direito de parcelar em quantas vezes no máximo? Muito obrigada.

    • Rocha e Mouta Autor do PostResposta

      Prezada Cacilda,
      Em atenção aos seus questionamentos, ressalto que no acordo extrajudicial não há limites para liquidação das verbas, considerando que o acordo foi firmado com anuência de ambas as partes (empregado e empregador).
      Estamos a disposição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *