Você sabe o que são dados sensíveis? E como o seu tratamento afeta as empresas de pequeno porte?

Os dados sensíveis são aqueles sobre origem racial ou étnica, convicção religiosa, opinião política, filiação a sindicato ou a organização de caráter religioso, filosófico ou político, dado referente à saúde ou à vida sexual, dado genético ou biométrico, quando vinculado a uma pessoa natural.

Os dados sensíveis, por terem uma proteção especial conferida pela LGPD, possuem regras mais rigorosas para seu tratamento, a fim de evitar riscos ou danos relevantes aos titulares de dados, mesmo quando manipulados por empresas de pequeno porte.

Quais medidas devem ser tomadas para proteção dos dados pessoais?

Conforme o Manual de Segurança da Informação para Agentes de Tratamento de Pequeno Porte a LGPD nos apresenta o Princípio da Segurança, que consiste na utilização de medidas técnicas e administrativas aptas a proteger os dados pessoais de acessos não autorizados e de situações acidentais ou ilícitas de destruição, perda, alteração, comunicação ou difusão.

Todas as empresas precisam adequar a sua operação à Lei.

Ainda de acordo com a lei as medidas do SEGURANÇA devem ser desde a concepção do produto ou serviço.

Texto disponibilizado por @simonebevandick, Simone Leme Bevandick advogada especialista na adequação da LGPD.

Fonte:https://www.gov.br/anpd/pt-br/assuntos/noticias/anpd-publica-guia-de-seguranca-para-agentes-de-tratamento-de-pequeno-porte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *